Carregando
Carregando conteúdo
[contact-form-7 404 "Not Found"]

Doenças comuns no inverno, como tratar e prevenir

Data

30 ● maio ● 2019
Guia para Alimentação

Doenças comuns no inverno, como tratar e prevenir
Avalie este post!


Saiba mais como se proteger das doenças no período do frio

É só chegar o inverno para que uma série de doenças passem a aumentar e provocar transtornos no dia a dia e na saúde de crianças, adultos e idosos.

 

No período de maio a outubro, que costumam ser os mais frios, o ar fica mais seco e para que vírus e bactérias comecem a se espalhar, é importante ter cuidados redobrados com a saúde.

As doenças respiratórias transmissíveis são as principais dessa época e podem atingir pessoas de todas as idades, principalmente crianças, idosos, pessoas com baixa imunidade e as que costumam ficar em ambientes fechados e lugares aglomerados.

Aqui você saber mais quais são as doenças comuns do inverno, suas formas de contágio, tratamento e prevenção para você repensar a sua saúde e ficar livre de doenças.

 

Boa leitura!

1. Resfriados e gripes

Gripes e resfriados são as doenças mais frequentes nos períodos de baixa temperatura.

Essas são as duas doenças mais comuns de se manifestarem no inverno. Apesar de terem os sintomas parecidos e muitas pessoas confundirem, as duas doenças são bem.diferentes.


A gripe é uma doença viral, provocada pelos vírus da família influenza. Costuma atingir as vias respiratórias superiores como nariz e garganta e seus sintomas podem durar cerca de 7 dias ou mais.

 

Os principais sintomas são:

  • Coriza e secreção nasal
  • Dores musculares e nas articulações
  • Dor na cabeça
  • Dor na garganta
  • Febre alta de cerca de 37,8°   

 

Saiba mais sobre a gripe e previna-se

 

Já o resfriados também é um tipo de infecção que pode ser causado por mais de 200 tipos diferentes de vírus, como adenovírus, rinovírus e vírus sincicial. O resfriado costuma ser mais brando que a gripe e seus sintomas costumam durar em media de 3 a 5 dias.  

 

Os principais sintomas são:

  • Espirros
  • Coriza
  • Dor na garganta
  • Dor nos olhos

 

Como tratar: o resfriado não tem um tratamento específico, é recomendado que a pessoa faça repouso, tome bastante água e faça uma alimentação saudável. Para a gripe, as recomendações são as mesmas do resfriado, mas o paciente também pode tomar um antitérmico para aliviar a febre e analgésicos para a dor no corpo.

 

O uso de descongestionantes para fazer lavagem nasal e fluidificar e remover as secreções também é recomendado nos dois casos.

 

Como prevenir: tomar vitamina C e suplementos com Zinco é recomendado para fortalecer a imunidade e evitar gripes e resfriados. Evitar ficar em ambientes fechados e higienizar bem as mãos após voltar da rua também é uma das formas de prevenir o contágio.

 

Veja aqui um guia completo com remédios para gripes e resfriados.

2. Asma

A asma é uma das doenças comuns no inverno e precisa de tratamento.


A asma é uma das doenças mais comuns no inverno. As crises costumam acontecer em pessoas predispostas, com histórico de doenças inflamatórias dos pulmões e podem ser desencadeadas por certos fatores sejam relacionados a alergia, temperatura, poeira e até mesmo fatores emocionais.

As crises de asma costumam ser mais comuns em crianças mas também podem acontecer em adultos. É importante que se busque tratamento médico para a asma, pois as crises fortes podem levar uma pessoa a ficar hospitalizada.

 

Os principais sintomas da asma são:

  • Falta de ar
  • Tosse
  • Chiado no peito



Tratamento para asma: o tratamento para a doença deve ser feito com a orientação de um pneumologista que irá receitar os medicamentos específicos para cada caso. O tratamento pode envolver o uso de broncodilatadores e corticoides, por exemplo em forma de bombinhas, xaropes e comprimidos.   


3. Rinite alérgica


Alérgicos costumam ficar mal de rinite e nessa época muitos fatores podem piorar.

Uma outra doença que pode piorar durante o inverno e causar muitos incômodos no dia a dia das pessoas é a Rinite Alérgica. A rinite é uma inflamação que ocorre na mucosa que reveste o nariz, é causada por uma reação alérgica. Seus sintomas podem variar com duração de alguns minutos ou até vários dias.

 

Os sintomas da rinite alérgica são:

  • Espirros
  • Coriza
  • Coceira no Nariz

 

As substâncias que provocam essa alergia são variadas e dependem do nível de sensibilidade das pessoas a elas, as mais comuns costumam ser poeira, ácaros, pelos de animais, pólen de plantas, cheiros fortes, produtos de limpeza, produtos químicos, alguns alimentos, entre outros.    


Como tratar: a rinite alérgica é uma doença crônica e a medida em que se instala no organismo não tem cura, entretanto há tratamentos e alguns hábitos que podem ajudar a controlar os sintomas. Alguns medicamentos como anti-histamínicos e corticoides nasais costumam ser recomendados para amenizar e controlar os sintomas.

 

Alguns hábitos também são importantes para evitar a rinite como evitar o contato com as substâncias que provocam alergias.Saiba mais sobre a rinite alérgica.


4. Sinusite

As dores na face são sintomas de que você pode estar passando por uma crise de sinusite.


Chamamos de sinusite a inflamação da mucosa que reveste os seios da face, que são as estruturas ao redor do nariz. A sinusite pode ser causada principalmente por infecções virais, por vírus de gripe e resfriados e por alergias, apenas uma pequena parte é causada por bactérias.

 

Os principais sintomas são:

  • Dor na região da face
  • Secreção nasal
  • Dor de cabeça
  • Febre em alguns casos

 

Pessoas que têm rinite alérgica têm maior tendência a desenvolver crises de sinusite.

Como tratar a sinusite: para aliviar os sintomas, é recomendado o uso de anti-histamínicos, anti-inflamatórios, descongestionantes e lavagem nasal com solução salina. Para alguns casos mais graves, quando há suspeita de bactérias é recomendado o uso de antibióticos para melhorar os sintomas.

 

Saiba mais sobre sinusite e melhores maneira de se prevenir.

5. Pneumonia

A pneumonia costuma atingir muito as crianças nessa época, é preciso ficar atento.


A pneumonia é quando uma inflamação ou infecção das vias respiratórias atingem os pulmões. A doença geralmente é causada por bactérias, vírus e até raramente, fungos. A doença pode atingir pessoas de todas as idades e principalmente crianças, idosos e pessoas com baixa imunidade e se não tratada pode levar à óbito.

 

Os sintomas da pneumonia são:

  • Tosse com catarro amarelo ou esverdeado
  • Febre de cerca de 38ºC ou mais
  • Calafrios
  • Falta de ar
  • Dificuldades para respirar

 

Em casos mais graves pode causar:

  • Confusão mental
  • Insuficiência dos rins

 

Como tratar: tratar uma pneumonia depende da causa a qual ela se manifesta, na maioria das vezes os médicos receitam antibióticos e analgésicos para serem tomados em casa, já quando o caso é mais grave o paciente precisa ficar internado sob orientação médica e tomar remédios na veia e usar oxigênio.  

 

Saiba mais sobre pneumonia aqui.


6. Otite

A otite costuma causar dores e bastante incômodo aos ouvidos.


Se caracteriza pela inflamação nos ouvidos, que pode ocorrer por vírus ou bactérias que costumam infectar a garganta até chegar aos ouvidos. A otite pode atingir pessoas de todas as idades e costumam atingir muito mais as crianças devido ao sistema imunológico ser mais baixo e também por alguns hábitos incorretos.

 

Principais sintomas da otite:

  • Dor nos ouvidos
  • Produção de secreção
  • Febre

 

Como tratar: o tratamento da otite pode ser feito com o uso de remédios para pingar no ouvido e analgésicos como Paracetamol ou Ibuprofeno. Em alguns casos quando há suspeita de infecção bacteriana os médicos recomendam o uso de antibióticos.


7. Meningite

Chamamos de meningite para a infecção das membranas que envolvem o cérebro, a doença pode se manifestar por meio de vírus, bactérias, fungos, parasitas e costuma ser mais comum em crianças, mas também atinge os adultos. A meningite é transmitida por meio do contato com gotículas de saliva da pessoa contaminada através da tosse, espirro ou fala.

Os sintomas podem surgir de forma repentina e em alguns casos a meningite pode levar à óbito.  

Principais sintomas:

  • Febre alta
  • Dor de cabeça forte
  • Dores no corpo
  • Vômitos

Como tratar a meningite: o tratamento necessita de orientação médica e depende do tipo de meningite e do micro-organismo causador, podendo precisar do uso de antibióticos injetáveis, como Penicilina, analgésicos e anti-inflamatórios.  

 

Saiba mais meningite e como se proteger.


Como evitar as doenças comuns do inverno

As doenças comuns do inverno costumam surgir com a baixa temperatura e se aproveitam do clima seco e m uitas vezes das condições ambientais em que as pessoas se encontram e da imunidade.

 

Para se proteger e evitar essas doenças durante o período do frio, recomenda-se alguns hábitos como:

 

  • Evitar permanecer por muito tempo em locais fechados e com aglomeração de pessoas;
  • Manter os ambientes mais ventilados e arejados possíveis;
  • Ao tossir ou espirrar, procure cobrir a boca ou o nariz preferencialmente com lenços descartáveis;
  • Lave as mãos várias vezes ao dia, principalmente quando sair de locais públicos. Usar álcool em gel para higienizar as mãos também é recomendado.  
  • Beba bastante água para se hidratar, é recomendado cerca de 2L de água por dia;
  • Evite o contato próximo com outras quando estiver doente, mesmo se for um resfriado rápido, principalmente crianças e idosos;
  • Evite ir com frequência a pronto-socorros, pois o ambiente tem alta probabilidade de contaminação;
  • Faça uma alimentação saudável, procure comer bastante frutas, legumes e vegetais, principalmente os que tenham vitamina C.

Além de todas essas recomendações, é importante que você faça a vacinação anual contra a gripe, ela protege contra os principais vírus causadores da gripe durante esse período.

 

A vacinação é especialmente importante para pessoas que têm maior risco no desenvolvimento de quadros mais graves de gripe e pneumonia viral, como idosos, crianças, gestantes, diabéticos e portadores de doenças pulmonares, cardíacas ou auto-imunes.

 

Cuide-se e evite as doenças comuns do inverno. Ao começar a sentir os sintomas acima e eles atrapalharem o seu dia a dia, é importante consultar um médico, na Cia. da Consulta você pode agendar com médicos de diversas especialidades de forma rápida e prática para cuidar da sua saúde com todo o conforto, rapidez e bem-estar.  

Compartilhe esse artigo e ajude as pessoas a saberem mais sobre as doenças comuns do inverno. Veja também mais textos com dicas de saúde para aumentar a sua qualidade de vida e melhorar a sua saúde, leia aqui:

 

Soluço: O que é, causas e como parar

 

Infarto: Sintomas, tratamentos e causas

 

Gases intestinais. O que é, sintomas e como tratar